A Dreamhost é uma empresa norte-americana que presta serviços de hospedagem de sites. Na verdade, há muito mais serviços no Dreamhost do que apenas hospedagem de sites mas, sem dúvidas, hospedar blogs e sites é o serviço mais procurado.

Minha experiência com o Dreamhost

Há alguns anos, quando comecei os sites da rede Palpite Digital, contratei um serviço de hospedagem brasileiro. Esta empresa, na verdade, alugava um servidor em uma empresa maior e sublocava a nós brasileiros, com preços baixos, mas sem muitas garantias. Para ganhar mais dinheiro gastando pouco, estas empresas colocavam (e ainda colocam) dezenas ou centenas de sites em um mesmo servidor, o que provoca lentidão ou mesmo a queda do site.

Conforme o número de visitantes do Palpite Digital foi crescendo, parti para uma solução de hospedagem profissional, e foi assim que conheci a Dreamhost, onde hospedo este e outros sites háa mais de 2 anos.

Servidor compartilhado e Private Server no Dreamhost

Porém, mesmo na Dreamhost, optei por um servidor compartilhado, por questão de preço. Isto foi possível por 1 ano e 8 meses, até que tive que migrar para um PS (Private Server), pois o crescente número de visitantes dos meus sites estava prejudicando outros usuários do servidor compartilhado.

Vantagem do Private Server

O Private Server é um serviço do Dreamhost para que seus sites tenha um servidor privado e que não será prejudicado pelo compartilhamento do mesmo servidor. (Foto: www.emezeta.com)

O que é o DreamHost PS?

O Private Server da Dreamhost não é um servidor dedicado, mas sim uma instalação Linux usando o VServer que emula um computador dentro de uma máquina Linux. Funciona tão bem esta emulação, que é possível até fazer um reboot do seu computador virtual, sem prejudicar outros usuários da mesma máquina.

No Dreamhost PS, você continua pagando o valor padrão, e paga a mais 10 dólares para cada 100MB de RAM previamente alocado. Todos os meus sites funcionam muito bem mesmo alocando apenas 560MB de RAM nos horários de pico. Isto significa um custo mensal de 56 dólares, em média, e mais R$119,20 dólares anuais do valor padrão.

E tem desvantagem migrar para um Private Server?

A única desvantagem de migrar para um servidor privado do Dreamhost é que você precisa entender um pouco mais de Linux para que possa se virar em determinados momentos. Sem dúvida alguma, compensa em termos de aumento da performance geral dos sites. Me atreveria até a dizer que o dinheiro investido pode ser recuperado rapidamente com o aumento do CTR dos anúncios das páginas do site, que passam a carregar bem mais rápido neste novo servidor. O vídeo abaixo explica um pouco sobre as diferenças.

Considerações Finais

Se quiser assinar o serviço de hospedagem da Dreamhost, por ir sem medo que estará fazendo um ótimo negócio. Além de um serviço de qualidade, o suporte técnico é excelente e a qualidade do serviço também. Já tive uptimes de até 4 meses, isto é: 4 meses sem nenhuma interrupção de serviço, sem nenhum site sair do ar. E quando há problemas, a solução é em geral tão rápida que só percebo porque eles mesmos avisam.

Você também usa o Dreamhost PS? Qual sua opinião? Como foi sua experiência com outros servidores?

7 comentários para “Dreamhost PS – Opinião de quem usa”

  1. Bruno Souza

    Bom, em primeiro lugar quando você precisou mudar para o PS por causa da quantidade de visitas do site, quantas eram mais ou menos essas visitas?

    Outra coisa é você disse que precisa ter um pouco de conhecimento Linux no PS por que não é tão simples como a conta normal…

    Então quais as diferenças? No PS possui o painel normal da Dreamhost? Ou não? O que é preciso configurar diretamente?

    Agradeço se puder tirar esses minhas dúvidas.

    Responder
  2. Equipe Palpite Digital

    Olá Bruno. Obrigado pelo contato.
    Quanto migrei para o Dreamhost PS, todos os meus sites juntos tinham em torno de 60.000 exibições de páginas por dia. E são bem otimizados para serem rápidos e leves para o servidor.
    Quanto ao conhecimento Linux, ele é desejável. O painel do Dreamhost existe da mesma maneira, e com algumas opções extras relacionadas ao PS.
    No meu caso, configurei alguns serviços extras para rodar no Cron, mas isto não é essencial. É Bom conhecer de Linux para saber avaliar a carga de sua máquina virtual, por exemplo. Mas bastam comando simples para fazer isto, como “top”, “free” e outros do tipo. Somente aprendi utilizá-los após ter feito a migração para o PS. Não me arrependo. Meus sites firam mais rápidos desde então, e ainda rendem mais.

    Responder
  3. Rogério Gomes

    Cara, gostei do seu artigo sobre a Dreamhost PS, mas acho que ele pode assustar quem estiver interessado.
    Faz em torno de 4 meses que migrei meu plano compartilhado para o PS e desde então, nunca precisei realizar ou executar nenhum comando em linux (no meu caso que trabalho na grande maioria com blogs WordPress).
    Outro ponto interessante é que você passa a ter suporte via chat 24 horas.
    Eu também estou satisfeito com eles e recomendo para quem quiser uma hospedagem de qualidade que atenda as suas necessidades, já que você paga de acordo com o que usa.
    Também concordo que melhorando o servidor, você acaba pagando com o aumento do valor gerado com as publicidades, já que o site realmente passa a carregar mais rápido.
    Enfim, estava terminando um artigo sobre a atualização do sistema de blogs que a dreamhost fez ontem e resolvi entrar para deixar a minha opinião.
    Abraços e Sucesso no Blog!

    Responder
    • Equipe Palpite Digital

      Olá Rogério.
      Obrigado pelo comentário.
      Você tem razão sobre não precisar de comandos Linux no Dreamhost PS. Eu também demorei a querer usar algum, mas foi para entender mais como funciona. Não é essencial mesmo não. Fiz por curiosidade!
      O Painel de controle é o mesmo que você tem costume, e as configurações do PS são feitas também por ele, de forma bem simples!

      Responder
  4. Tarilonte

    Olá Palpite,

    Eu tenho alguns sites hospedados no Dreamhost desde 2008, e estou satisfeito com a qualidade do serviço e do atendimento. Atualmente estou fazendo um jogo online de perguntas e respostas que certamente demandará um consumo de banda e processamento maior do que o de sites estáticos.

    Eu estava em dúvida sobre a capacidade do PS Dreamhost dar conta do serviço, mas ao ler seu depoimento sobre ter mais de 60k acessos diários e o serviço dar conta, fico mais tranquilo.

    Obrigado por compartilhar a informação.

    Abraços!
    Tarik Tarilonte

    Responder
  5. Elender Góis Gallas

    Estou testando a dreamhost. Não sei se confio na sua opinião por causa dos links de afiliado

    Responder
    • Equipe Palpite Digital

      Oi Elender,

      A questão da confiança depende de cada um. Eu também acho suspeito quando há indicações de produtos que as pessoas não utilizam.
      No meu caso, uso o Dreamhost desde 2007 e não continuaria lá depois de tantos anos se fosse ruim, concorda?
      Aliás, afiliados deste tipo não dão tanto dinheiro assim que justifique tal “investimento” em publicidade gratuita pra eles!

      Espero que esteja gostando do teste e se puder, conte aqui o resultado dos mesmos depois de algum tempo!

      Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)