O seguro garantia é uma forma de seguro que visa garantir o cumprimento de um acordo, seja ele de prestações de serviços, execuções de atividades e fornecimentos de bens. O seguro garantia é muito comum em orgãos públicos e empresas privadas, com o objetivo do cumprimento do acordo entre as partes. Em orgãos públicos o seguro garantia é muito utilizado nos casos de licitações de obras, para garantir que o serviço seja cumprido. As empresas privadas utilizam o seguro garantia para impedir que prestadores de serviços ou fornecedores, por exemplo, descumpram o contrato.

Seguro garantia

Informações sobre seguro garantia

O seguro garantia envolve sempre três partes:

  1. O segurado: É o beneficiário da apólice, aquele que visa o cumprimento do acordo que foi feito com terceiros. Geralmente é uma empresa ou órgão público.
  2. Tomador: É a parte contratada pelo órgão que deseja uma garantia de que o serviço será prestado. É a emprea que prestará os serviços, fornecerá mercadorias ou executará uma obra para alguma empresa ou órgão público. O Tomador é quem contrata o seguro para garantir ao Segurado que as obrigações assumidas serão cumpridas. É ele quem paga o custo do seguro.
  3. Seguradora: É a empresa contratada para garantir o cumprimento dos acordos entre o segurado e o tomador. Ela é autorizada para a emissão de apólices que garantam as obrigações do Tomador definidas no contrato estabelecido.

O seguro garantia visa cobrir todos os prejuízos decorrentes da quebra de acordos. Ele é diferente dos seguros convencionais que envolvem duas partes – o segurado e a seguradora – como o seguro de automóveis que cobre prejuízos decorrentes de acidentes. No seguro garantia a seguradora é a mediadora entre as duas partes de um acordo firmado.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)