O iPad, novo produto da Apple foi lançado. Tem tela de 9,7 polegadas, sensível ao toque, com resolução de 1024×768.

Ele acessa a internet, roda vídeos, alguns jogos e músicas. O aparelhinho é relativamente pesado, com 680 gramas.

Como opções de conectividade, tem Wi-Fi, Bluetooth e 3G (opcional). Tem 16, 32 ou 64 GB de memória, com preços variando de 500 a 830 dólares, no mercado norte americano.

Além das funções acima, o iPad roda os aplicativos feitos para o iPhone, e sua bateria dura ate 10 horas.

Há muita controvérsia na internet sobre o lançamento deste produto, que chega a parecer um retrocesso frente a outros produtos da Apple. Eu realmente duvido que não emplaque, visto que os produtos da Apple são sempre bem aceitos no mercado. Nota do editor: infelizmente, eu estava errado. Mas ainda acho que o iPad tem muitos defeitos para um tablet tão moderno.

Necessidade de adaptador do iPad para dispositivos

Esse é um dos adaptadores da Apple, mega caros, e que você precisa para conectar o iPad diretamente em câmeras e outros dispositivos que não tenham portas compatíveis com os produtos da grande maçã. (Foto: Apple)

Vale a pena comprar um iPad?

O iPad naõ tem USB nem conector para cartão SD, ao invés disso, a Apple fornece um adaptador! Péssimo! O produto deveria vir completo!

Mesmo com tanta concorrência e com tais “deficiências” apontadas no iPad, ainda acredito que o iPad será um produto inovador e interessante como o Kindle, por exemplo…

Imagine: daqui a algum tempo, muitos vão estar pagando horrores por um adaptador para iPad. É um absurdo num produto dessa faixa de preço, de uma empresa tão conceituada. Por outro lado as várias formas de conexão sem fio talvez tornem o acessório desnecessário para a maioria das pessoas.

Só podemos esperar, mas se o passado se repetir, o iPad será mais um produto de enorme sucesso do tio Jobs!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)