Todos nós adoramos o conforto proporcionado pelos laptops e notebooks modernos. Com este conforto, levamos eles para todos os lugares, principalmente para o conforto de nossas camas. Nessa história dos passeios dos apetrechos eletrônicos em nossas camas, você já deve ter percebido em algum momento o quanto o notebook superaquece. Parece até que está fervendo após alguns minutos de uso e achamos isso “normal”. Normalmente, só reclamamos um pouco. Vamos te explicar aqui, porém, que o aquecimento do computador é algo pior do que você imagina e deve ser tratado o quanto antes.

Mas como manter o computador sempre frio?

Compre com sabedoria

Se você estiver no mercado para um novo notebook, considere pesquisar bem por modelos que tem uma boa dissipação de calor. Alguns sites já disponibilizam testes de temperaturas para os notebooks mais modernos, elegendo aqueles mais confortáveis para ficarem no seu colo e aqueles onde quase dá para fritar uma omelete. Uma dica é preferir notebooks e laptops que tem ventoinhas e dissipadores de calor laterais ou que fiquem por baixo do teclado, de forma que você poderá ficar mais seguro em usar o notebook sobre qualquer superfície.

Ajuste as configurações de energia

Quanto mais você pedir do seu computador, mais ele vai aquecer. Portanto, as configurações de energia da maioria dos laptops podem te ajudar a manter uma temperatura agradável quando não for necessário o uso da capacidade total do computador. Por isso, a dica aqui é só colocar as configurações de energia no máximo quando você estiver fazendo tarefas que exijam mais de seu notebook, como edição de vídeos, fotos, jogos e assistir filmes/seriados.

Desligue o notebook e não o mantenha ligado

Um notebook, ao contrário de muitos computadores de mesa, não foi feito para uso prolongado por dias e noites a fio. Por isso, é melhor desligá-lo sempre que for dormir, ou pelo menos suspender as atividades do computador para não aumentado o aquecimento.

Não deixe seu notebook dentro de um saco ou sobre um cobertor quando ligado

Por quê? O resfriamento do seu notebook é baseado na troca de calor com o ar do ambiente. Se os orifícios por onde ocorrem esta troca estiverem obstruídos, a tendência é que a temperatura aumente gradualmente até queimar seu processador. E isso é o mínimo que pode acontecer.

Cuidado com superaquecimento do notebook

Um dos riscos de deixar seu notebook em cima da cama é que sua bateria pode explodir. Não é lenda urbana isso. (Foto: nexusconsultancy.co.uk)

Limpe os orifícios de ventilação do seu notebook SEMPRE

Mantenha esses orifícios bem limpinhos. Eles foram feitos sob medida para otimizar a troca de calor entre o ambiente e seu computador. Qualquer problema ou obstrução deles pode significar o fim da vida de seu notebook.

Cooler e BIOS do notebook

Se o seu notebook parece ter superaquecimento sem motivos, verifique o suporte online do fabricante. Alguns fornecedores oferecem ferramentas de diagnóstico que testam os coolers do seu computador para garantir que eles estão funcionando corretamente. Às vezes, as configurações de calor que controlam os ventiladores de um computador são ajustados com as novas atualizações de BIOS. A versão mais recente do BIOS do seu computador pode fazer a ventoinha do notebook trabalhar mais eficientemente. Se você suspeita que seu notebook está ficando muito quente, verifique o site do fornecedor para ver se uma nova BIOS está disponível. Mas muito cuidado com essas instalações!

Agora: por que não levar seu notebook para sua cama?

Deu para entender que calor e notebook não combinam, certo? E quantos de vocês já levaram o notebook e colocaram de qualquer jeito em cima do edredom ou da cama, não é? Fazendo isso, a ventoinha do seu computador vai trabalhar no máximo a todo momento, a vida útil dela vai cair, seu processador também perde vida útil e por fim, você perde seu computador, que irá sempre superaquecer. Isso não significa que não tem como você levar seu notebook para a cama. Existem mesinhas de laptop que ajudam a resfriar o notebook de forma mais eficiente. Há também suportes mais sólidos que facilitam a troca de calor. Seja qual for a escolha, vale um teste para ver se funciona mesmo. Agora, se seu computador já não resfria mais como antigamente, pode ter certeza que ventoinha já está ficando velhinha e vai precisar ser trocada em breve.

Mas também, após meses em cima do edredom e do cobertor, o que você queria? Agradeça que seu computador não explodiu na sua cama. E isso não é lenda urbana: acontece, e até com certa frequência.

Cuide de seu notebook para poder prolongar a vida útil dele e não transformá-lo em uma frigideira.

Um comentário para “Não use seu computador em cima da cama! Veja por que!”

  1. Alice

    Interessante e esclarecedor! Obrigada por postar!

    Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)