A cada dia que passa aumenta a quantidade de informações importantes armazenadas nos computadores pessoais. Muitas destas informações são únicas, exclusivas e não existem em outros locais, exceto no computador de quem criou essas informações.  Um bom exemplo são os arquivos de fotos e vídeos feitos pelos usuários, que cada vez criam mais arquivos. E não há HD que aguente tudo isso. Nessa história de liberar espaço no HD, quem nunca apagou arquivos sem querer? Aquelas fotos de viagens, vídeos de batizados, fotos de casamentos, etc. Este artigo fala um pouco sobre como recuperar arquivos apagados, e porque isto é possível.

Como é possível recuperar arquivos deletados?

Em um computador, os arquivos e diretórios são como os capítulos de um livro.  Para encontrar os arquivos, há uma espécie de índice, que indica em qual posição da memória está o arquivo. Toda vez que se cria um novo arquivo, é criado um novo capítulo no livro, e uma entrada no índice, dizendo em que página começa e em qual página termina o arquivo. Quando precisamos apagar um arquivo e uma estrada nesse índice, entra o papel da lixeira do seu computador.

Como funciona a lixeira?

Quando se envia um arquivo para a lixeira, ele não é realmente apagado. A lixeira é como se fosse um diretório especial. Basta restaurar os arquivos da lixeira e eles voltarão à pasta original, onde estavam antes de serem excluídos. Pegando a mesma comparação que fizemos com o índice de um livro, é como se o editor do livro, prevendo que você pode apagar partes dele sem querer, guardasse as versões anteriores.

E se eu apagar um arquivo da lixeira? Dá pra recuperar?

Quando se apaga um arquivo da lixeira, ele também não é apagado de verdade. O sistema operacional não apaga o capítulo do livro, apenas apaga a linha no índice que diz onde está o arquivo. Portanto, ainda é possível verificar cada página do livro e encontrar lá o capítulo desejado. Vai demorar mais, mas é possível e é isto o que fazem os programas de recuperação de arquivos disponíveis no mercado.

Função da lixeira para salvar arquivos

Mandar um arquivo para lixeira antes de deletar definitivamente ajuda a te salvar de possíveis descuidos na hora de deletar os arquivos. (Foto: www.downloadatoz.com)

Então porque as vezes não dá para recuperar arquivos deletados?

Suponha que o seu livro (o seu HD) tenha 200 páginas e todas elas estão escritas, isto é, o seu HD está cheio. Você apaga sem querer os arquivos “viagem do conhecimento.avi”, que tinha 70MB e o arquivo “centro da terra.avi” que tinha 30 MB. Digamos que isto seja equivalente a 7 e 3 páginas do livro, respectivamente. Agora, o seu livro tem 10 páginas que podem ser escritas.

Depois, você resolve fazer uma daquelas “montagens de fotos” da sua última viagem, e ela ocupa 10MB. Esta foto será armazenada em uma das 10 páginas do livro que estão vazias. Isto significa que um dos dois arquivos que apagados antes, foram sobrescritos com montagem de fotos que você acabou de salvar no seu computador. Assim, mesmo que você procure em seu livro, na página do livro onde estava o “centro da terra.avi“, agora há uma “montagem de fotos.pps”. Na melhor das hipóteses, você tem as as outras 2 páginas (20MB) do arquivo “centro da terra”.

E se o HD tiver sido formatado? Tem como recuperar HD ou pen drive formatado?

Ao formatar um disco, o problema é mais sério. Ainda fazendo a analogia com o livro, a formatação faz com que o livro passe a ser apenas um emaranhado de letras. Seria como se todas as fontes usadas no livro fossem do mesmo “formato”, sem parágrafos e títulos. Você teria que ler tudo para descobrir onde fica o índice e, só assim, poderia encontrar e ler os capítulos. Da mesma forma, se outros arquivos forem gravados, pode não ser mais possível recuperar o que foi sobrescrito.

Formatei ou apaguei arquivos. O que tenho que fazer para recuperar?

A principal regra, é: não grave nada no disco ou pen drive a ser recuperado. De preferência, desligue este disco do computador e leve a algum profissional especializado. Ao ligar o HD, mesmo que em outro computador, as vezes o sistema operacional cria arquivos temporários neste disco, e isto pode sobrescrever informações críticas e impossibilitar a recuperação.

Como fazer para nunca perder informações?

Aprenda a fazer um backup bem feito. Faça cópias de segurança de tudo. Sempre e frequentemente. Recomendamos o programa Cobian Backup. É gratuito, bem feito, simples de utilizar e funciona bem. Basta compactar, colocar uma senha de segurança, e salvar em servidores FTP, DVD, CD, Pen drives, outros computadores, etc. Quanto mais cópias, mais seguro. Assim, se você tiver um backup dos dados apagados, basta encontrar o backup e recuperar os arquivos apagados.

Outra dica que podemos dar é você organizar seu backup e colocar na nuvem. Ensinamos como você pode fazer isso com facilidade neste artigo.

Espero que tenha ficado claro em quais situações é possível recuperar os arquivos apagados. Em um outro artigo, serão abordadas as ferramentas de recuperação de arquivos.

Você usou alguma das dicas que demos? Funcionaram para você?

Um comentário para “Quando é possível recuperar arquivos deletados?”

  1. Valeria

    Mais claro do que isso…Perfeito!

    Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)