A fragmentação do disco não é um problema tão grava quanto antigamente. Com novas tecnologias para discos rígidos, e a evolução na programação de softwares, evitar a fragmentação ficou mais fácil, ajudando também quem é leigo no assunto e/ou não está acostumado com termos de tecnologia.

O que é fragmentação do disco?

Seu disco de armazenamento é, como o nome diz, um disco. Esse disco é protegido por uma capa. Ele gira a velocidades muito altas, e uma “agulha” registra as informações nesse disco, armazenando dados, como suas fotos, vídeos, programas, etc.

Durante o registro ou a remoção desses dados, a agulha vai procurar registrar dados em espaços vazios espalhados pelo disco rígido. Como você também deleta arquivos, você também cria vários espaços vazios novos.

Dentro desse ciclo de registro de informações e remoção de informações, os blocos de dados ficam espalhados fora da ordem em todo o seu disco rígido. A agulha terá mais trabalho para ler um arquivo, o que pode deixar seus programas mais lentos e seu computador, menos eficiente.

Apenas HDs (discos rígidos) ficam fragmentados. SSDs (solid state drives) não se fragmentam, e a desfragmentação de disco pode até danificar seu SSD.

Desfragmentar disco: pra quê serve?

Ao desfragmentar seu disco rígido, você estará fazendo que seu computador “junte” os blocos de dados mais próximos um dos outros, sem deixar espaços vazios. Assim, a “agulha” conseguirá ler e escrever informações com mais eficiência, deixando seu computador mais rápido, principalmente os computadores mais antigos.

Frequência para desfragmentação de disco rígido

Discos rígidos precisam ser desfragmentados. Uma vez a cada três meses ou mensalmente, vale a pena rodar o desfragmentador. (Foto: divulgação)

Desfragmentar disco no Ubuntu, Desfragmentar disco no Windows, Desfragmentar disco no Mac: é seguro? Como fazer?

Sempre que você for fazer qualquer manutenção em um PC ou Mac, faça backup dos seus dados. Existem diversas soluções para backup, e é melhor sempre evitar surpresas desagradáveis.

A desfragmentação de disco é muito segura. Porém, durante procedimentos de desfragmentação mais completos, o programa também verifica por erros no disco rígido, procurando também pelos bad blocks. Estes são blocos de dados inutilizados, geralmente um sinal que seu HD está quase pifando. Quando o desfragmentador de disco tenta recuperar um bad block, ele poderá deletar alguns dados e informações na transferência, inutilizando alguns programas ou dados.

Backup realizado, hora de fazer a desfragmentação de disco.

Como desfragmentar o disco no Windows? Fácil: iniciar -> Programas/Acessórios -> Ferramentas de Sistema -> Desfragmentador de disco. Você pode também digitar “desfragmentador de disco” na barra de pesquisa do botão iniciar, ou abrir o painel de controle e pesquisar na barra de pesquisa do painel. É recomendado deixar a desfragmentação agendada para um horário em que você não usará seu computador. Pode ser à noite ou pela manhã, antes de você começar a usar o PC, e não precisa deixar o computador ligado. Deixe que o PC fará a desfragmentação quando você o ligar.

Como desfragmentar o disco no Mac? No OS, o sistema operacional da Apple, você raramente precisa desfragmentar o disco porque a programação da Apple é diferente de um sistema Windows. Se você precisar, vai ter que usar um aplicativo de terceiros, como o Drive Genius, geralmente pagos.

Como desfragmentar o disco no Ubuntu ou Linux? Assim como no Mac OS, o Linux dificilmente precisará ser desfragmentado. Mas se você precisar, use o programa e4defrag, parte do e2fsprogs. Os comandos para o Ubuntu são:

sudo apt-get install e2fsprogs

sudo e4defrag /

Se eu tenho um HD portátil, preciso desfragmentar o disco?

Sim, principalmente se você conecta esse HD externo com frequência a computadores com Windows. A escolha de um bom HD externo pode ajudar a reduzir a frequência de fragmentação.

E se eu tenho um SSD? preciso desfragmentar?

Nunca. Se você tem um SSD, o desfragmentador de disco pode danificar o SSD. Além disso, um SSD não precisa de desfragmentação.

Ficou alguma dúvida? Deixe nos comentários. Estamos aqui para ajudar!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)