O que é um smartwach? Como funciona?

Escrito na categoria "Softwares, apps e produtos" por André M. Coelho.

Um smartwatch é um dispositivo portátil projetado para ser usado no pulso. Smartwatches – como smartphones – usam telas sensíveis ao toque, oferecem aplicativos e geralmente registram sua frequência cardíaca e outros sinais vitais.

Os modelos com Apple Watch e Wear OS (anteriormente Android Wear) levaram mais consumidores a apreciar a utilidade de usar um minicomputador em seus pulsos. Além disso, smartwatches especiais para atividades ao ar livre geralmente complementam outros dispositivos mais volumosos no kit de ferramentas de um aventureiro.

O que é um smartwatch?

Embora os relógios digitais já existam há décadas – alguns com habilidades como calculadoras e conversores de unidades -, apenas na década de 2010 as empresas de tecnologia começaram a lançar relógios com recursos semelhantes aos dos smartphones.

Apple, Samsung, Sony e outros jogadores importantes oferecem smartwatches no mercado consumidor, mas uma pequena startup realmente merece crédito por popularizar o smartwatch moderno. Quando a Pebble anunciou seu primeiro smartwatch em 2013, levantou uma quantidade recorde de financiamento no Kickstarter e passou a vender mais de 1 milhão de unidades.

Ao mesmo tempo, os avanços na miniaturização do silício abriram as portas para outros tipos de smartwatches de uso dedicado. Empresas como Garmin, por exemplo, apóiam smartwatches como o Fenix, que são mais robustos e otimizados com sensores e rastreadores para apoiar expedições ao interior. Da mesma forma, empresas lançaram relógios inteligentes otimizados para mergulho autônomo que suportam longos períodos em profundidades significativas.

Smartwatches para uso

Escolha os relógios inteligentes e tenha um item de tecnologia para te acompanhar o dia todo. (Foto: YouTube)

Como funciona um smartwatch?

A maioria dos smartwatches – sejam para uso diário (como com o Apple Watch) ou para fins específicos (como com o Garmin Fenix) – oferece um conjunto de recursos padrão:

Notificações: Smartphones exibem notificações para alertá-lo sobre eventos ou atividades importantes. Os tipos de notificações são diferentes; dispositivos conectados a um smartphone podem simplesmente refletir as notificações do telefone em seu pulso, mas outros smartwatches exibem notificações que apenas um wearable poderia fornecer. Por exemplo, o mais recente Apple Watch inclui um sensor de queda. Se você cair enquanto estiver usando o relógio, ele detectará seu movimento subsequente; se não detectar nenhum, enviará uma série de notificações crescentes. Se não responder à notificação, o relógio presumirá que você está ferido e alertará as autoridades em seu nome.

Aplicativos: além de exibir notificações de seu telefone, um smartwatch é tão bom quanto os aplicativos que suporta. Os ecossistemas de aplicativos variam e estão vinculados aos ambientes da Apple ou do Google. Smartwatches com uma finalidade específica, como caminhadas ou mergulho, geralmente oferecem suporte aos aplicativos de que precisam para cumprir essa finalidade, sem a oportunidade de adicionar outros tipos de aplicativos.

Gerenciamento de mídia: a maioria dos smartwatches emparelhados com smartphones pode gerenciar a reprodução de mídia para você. Por exemplo, ao ouvir música em um iPhone usando os AirPods da Apple, você pode usar o Apple Watch para alterar o volume e as faixas.

Responder mensagens por voz: Lembra-se dos velhos quadrinhos de Dick Tracy, em que o detetive herói usava um relógio como telefone? Os smartwatches modernos que executam os sistemas operacionais watchOS ou Wear OS são compatíveis com ditado por voz.

Rastreamento de condicionamento físico: se você é um atleta radical, uma pulseira de condicionamento físico dedicada é provavelmente uma escolha melhor do que um smartwatch. Ainda assim, muitos smartwatches incluem um monitor de frequência cardíaca e um pedômetro para ajudar a monitorar seus exercícios.

GPS: a maioria dos smartwatches inclui um GPS para rastrear sua localização ou receber alertas específicos de localização.

Boa duração da bateria: os smartwatches modernos possuem baterias que o ajudarão durante o dia, com uso normal, com um pouco de energia ainda pela frente. O uso da bateria varia; o Apple Watch normalmente obtém 18 horas de uso normal com uma única carga, enquanto o Pebble leva dois ou três dias.

Tipos de smartwatch

De um modo geral, os smartwatches ocupam dois nichos no mercado de wearables. Primeiro, um smartwatch de uso geral – como o Apple Watch e a maioria dos dispositivos Wear OS com tecnologia do Google – combina forma e função. Eles foram projetados para substituir relógios de pulso mecânicos e dependem fortemente de smartphones. Pense neles como um dispositivo de suporte para o seu telefone que você mantém no pulso.

Você verá classes específicas de fornecedores de smartwatches de uso geral no mercado de consumo:

Apple Watch: projetado e vendido pela Apple

Relógios Wear OS: projetados e vendidos por muitos fornecedores, usando o sistema operacional Wear OS do Google

Relógios Samsung: sistema operacional proprietário desenvolvido pela Samsung para sua popular linha de smartwatches Galaxy

O outro nicho inclui dispositivos especializados destinados a casos de uso específicos. Esses dispositivos costumam oferecer uma versão mais robusta de um rastreador de fitness, na medida em que eles passam entre um smartwatch dependente de telefone e um rastreador de fitness autônomo, como um Fitbit.

Exemplos desses dispositivos especializados incluem:

Relógios de caminhada: destinados a viagens remotas e com bateria de longa duração, rastreamento e navegação por GPS, sinais vitais básicos e previsão do tempo. Frequentemente projetado para durabilidade avançada para proteção contra impactos, quedas, poeira e água. Os exemplos incluem o Garmin Fenix, o Suunto e o TomTom Adventurer.

Relógios de mergulho: conecte seu regulador de primeiro estágio a um transmissor Bluetooth para usar um relógio de mergulho. Garmin’s Descent Mk1 e Suunto’s DX oferecem profundidade, tempo restante, temperatura e outros indicadores importantes.

Relógios para pilotos: um nicho de mercado, mas o D2 Delta PX da Garmin oferece pulso Ox no pulso, um diário de bordo, um mapa móvel com GPS e previsão do tempo NEXRAD.

Quanto custo um smartwatch?

Os smartwatches tem várias faixas de preço, começando entre 10% e 20% do salário mínimo e podendo superar os 2 salários mínimos, dependendo do modelo e dos recursos.

Se você nunca teve um smartwatch, a melhor coisa a se fazer é começar com um modelo mais barato, se adaptar ao uso e depois, comprar um mais caro depois.

Dúvidas? Deixem nos comentários suas perguntas e iremos ajudar!

Sobre o autor

Autor André M. Coelho

No final da década de 90, André começou a lidar diretamente com tecnologia ao comprar seu primeiro computador. Foi um dos primeiros a ter acesso à internet em sua escola. Desde então, passou a usar a internet e a tecnologia para estudar, jogar, e se informar, desde 2012 compartilhando neste site tudo o que aprendeu.

Deixe um comentário